pendulo-sao.jpg

Plantas Medicinais

terça, 14 julho 2015 12:11

Hipericão - O Antidepressivo Natural

Escrito por

Alterações de Humor, Depressão, Stresse, Tristeza

O Hipericão contribui para a normalização geral dos neurotransmissores  de modulação de humor do organismo. Vários estudos clinicos demonstram a sua eficácia no tratamento da depresão suave a moderada.

O Hipericão é particularmente eficaz no combate à depressão “reactiva”, ou seja a depressão associada a dificuldades materiais ou emocionais, melhorando a qualidade do sono e aliviando visivelmente o stresse e a ansiedade.

O Hipericão é uma planta que não apresenta efeitos secundários e não cria habituação.

Combine com valeriana se tiver insónias e com passiflora para casos de ansiedade. 

hipericao

sábado, 11 julho 2015 08:55

Videira Vermelha - A planta da boa circulação

Escrito por

Uma vez que estimula as veias, a videira é indicada para o alivio das pernas pesadas, das varizes, da rosácea e da fragilidade capilar, podendo igualmente aliviar as hemorróidas.

Os efeitos benéficos das folhas da videira advêm de várias substâncias que proporcionam proteção aos vasos sanguineos, combate a insuficiência venosa e a fragilidade capilar cutânea, (aumentando a força dos vasos sanguineos e reduzindo-lhes a permeabilidade). Para, além disso, os taninos contribuem para a contração das células musculares dos vasos sanguineos, ajudando assim o sangue acumulado nos membros inferores a regressar ao coração.

Videira vermelha 3 500x375A videira vermelha é eficaz no tratamento da insufiência venosa crónica.

quinta, 09 julho 2015 09:40

Chá de Artemísia

Escrito por

A artemísia (Artemisia vulgaris) é uma planta medicinal, também conhecida como Camomila do campo, Erva-de-fogo, Erva-de-são-joão, Rainha das ervas, Urtemige e Matricária, muito utilizada pelas mulheres para tratar problemas do aparelho urogenital, exelente para o suavizar as cólicas abdominais e uterinas 

As propriedades da artemísia incluem sua ação anti-inflamatória, antiepilética, antiespasmódica, calmante, digestiva e diurética e ajudam na prevençao e no tratamento de anemia, cólicas, debilidade do estômago, gastrite, nervosismo, nevralgia, falta de apetite, mau hálito e ciclo menstrual irregular e alivia as cólicas.

O chá de Artemísia limpa e regula o funcionamento de diversos órgãos: estômago, fígado, rins, bexiga e pulmões (usada para controle da asma) è um exelente diurético, por isso ajuda muito no funcionameno e limpeza dos rins.

O bancho quente de chá de artemisia auxilia a tratar dores de coluna, reumático,  e cólicas menstruais. O escalda-pés alivia o cansaçõ e ativa os rins.

Chá de artemísia:Colocar 2 colheres de sopas das folhas num 1 litro de água a ferver. Deixar repousar por 10 minutos, coar e beber 2 chávenas por dia.

​​Contraindicações da artemísia

A artemísia está contraindicada durante o período menstrual, em lactantes e em grávidas. Os efeitos colaterais da artemísia incluem vasodilatação, convulsões e reações alérgicas. Não ingerir crua e pode ser tóxica se consumida acima da dose recomendada.

DORES2

 

segunda, 15 junho 2015 16:02

Fitoterapia

Escrito por

fit

Fitoterapia (do grego therapeia = tratamento e phyton = vegetal) é o estudo das plantas medicinais e suas aplicações terapêuticas. Devido à necessidade de sobrevivência os seres vivos sempre recorreram às plantas e às propriedades destas. Existem inclusive registos antigos de pictogramas que comprovam a sua importância. Ao longo dos tempos as plantas tiveram ainda um papel relevante em termos culturais. religiosos, medicinais e estéticos. Há uma grande quantidade de plantas medicinais, em todas as partes do mundo, Algumas plantas usadas na Medicina Chinesa tem uma tradição de mais de 5000 anos.  Os efeitos terapêuticos da fitoterapia variam de acordo com as propriedades das plantas.

No fundo a fitoterapia pode ser aplicada em praticamente todas as situações, sendo os seus resultados variáveis dependendo da gravidade da situação. Independentemente da sua forma de utilização (chás, xaropes, cápsulas ou mesmo banhos) as plantas sem-pre acompanharam o homem no seu dia-a-dia. Hoje estão na moda os antioxidantes e os seus benefícios na prevenção de patologias. É claro que esta área é muito vasta e requer perfeito conhecimento dos efeitos das plantas e interacções com fármacos, caso contrário o seu uso pode ser perigoso. A crença de que tudo o que é natural não tem efeitos secundários é uma ilusão, aconselhe-se sobre a melhor planta para o seu caso, numa das nossas ervanárias CHACA.

sábado, 13 junho 2015 10:26

Dente de Leão

Escrito por

dentelaeao

Depurativo, prevenção de cálculos biliares e renais

Muito apreciado pela sua acão diurética o dente de leão permite limpar todo o organismo, eliminando as toxinas acumuladas, actua também a nivel digestivo, aumentando o fluxo da biliis e estimulamando os fígados preguiçosos.As propriedades depurativas contribuem para prevenir cálculos biliares e renais. Exelente para quando se cometem excessos alimentares.

Para uma desintoxicação eficaz do organismo combine com Alcachofra.

Disponivel em chá ou em suplemento alimentar.

quarta, 10 junho 2015 11:24

Losna (Artemisia absinthium)

Escrito por

losna

Esta planta é conhecida pela medicina chinesa á mais de 2000 anos, como um poderoso remédio contra a febre, malária, etc. Considerada como uma planta milagrosa, sendo reconhecida pelo cheiro forte e muito aromático.

Estudos recentes, onde a Losna, foi usada no combate as células cancerígenas, deixaram os cientistas surpreendidos. Eles descobriram que uma substancia extraída da Losna, de seu nome Artemisinina e Utilizada na medicina chinesa á centenas de anos, reduz e em casos de diagnóstico precoce, mata as células cancerígenas, em cominação com o Ferro, tem uma Ação muito mais rápida e eficaz. Descobriram ainda que esta planta faz uma seleção das células más, sem afetar os tecidos saudáveis. “Dr. Len Saputo classifica a artemisinina de “bomba inteligente contra o cancro.” “ 

Mas esta planta também serve para ajudar os órgãos do aparelho digestivo, estomago e intestinos. Muito útil para ajudar na digestão, pois as suas propriedades medicinais acelera a produção de líquidos gástricos e digestivos. Ajuda também a afastar os sintomas indesejados de gases e desconforto abdominal. Também nos órgãos como o Fígado, Pâncreas e Vesicula, as suas propriedades medicinais ajudam a aumentar a secreção da vesicula biliar, pois essa secreção é importante para ajudar na digestão de alimentos que contenham mais gorduras e que são de maior dificuldade de eliminação pelo organismo. Para o pâncreas, as enzimas fabricadas por ele para ajudar na digestão podem sofrer um aumento de 30% com o uso da planta. O uso da losna também evita o risco de diabetes do órgão. No fígado a losna ajuda no aumento da conversão de amônia existente no corpo pela ureia. A planta serve para ajudar na redução de náuseas e vômitos. Como ajuda a recuperação de gastrites e úlceras estomacais e duodenais, a o chá proporciona a redução do mau hálito proveniente de problemas do aparelho digestório.

O chá de losna ajuda a combater a anemia. A deficiência de ferro no organismo pode ocasionar uma queda dos glóbulos vermelhos, fazendo assim uma elevação dos brancos causando anemia. A losna favorece a recuperação da quantidade dessas células vermelhas e essas tenha um aumento considerável para voltar aos níveis que são ideais. Também para os pulmões este chá é excelente, pois serve como um xarope expetorante, limpando assim toda a expetoração que é produzida por doenças como a gripe a bronquiolite, etc. a losna serve como xarope expectorante, mas deve ser usado com cautela, pois não são todas as pessoas que podem tomam este chá, principalmente as crianças. Pode-se usar a planta para combater piolhos e lêndeas como um shampoo após o banho. A função vermífuga também pode ser usada em animais, cães e gatos para eliminar pulgas e carrapatos.

Como fazer o chá: O chá de losna pode ser feito com a planta seca. Deve-se colocar uma colher de losna para cada litro de água filtrada e fervida. Ainda quente acrescentar e abafe por cerca de 15 minutos. Pode-se usar mel, adoçante ou açúcar para proporcionar um gosto ameno ao chá, já que o amargor da planta é predominante mesmo em pequenas quantidades de folhas acrescentadas à água. Aconselham-se no máximo duas xícaras de chá de losna diariamente, já que essa planta pode trazer algumas contra indicações.

CONTRA INDICAÇÕES: Além de ser aconselhado a proibição da losna para gestantes, também se recomenda o uso moderado da planta em qualquer que seja a forma, pois essa planta possui enzimas tóxicas semelhantes às existentes na arruda. O uso exagerado pode trazer alucinações, além de intoxicação de intensidade leve a grave. 

quarta, 27 maio 2015 17:01

Chá das 3 ervas

Escrito por

chas3ervasA dieta do chá das três ervas aquece o corpo, conforta o estômago e ajuda a eliminar os quilinhos que a deixam insegura na hora de ir para a praia. O segredo é beber de três a quatro chávenas de uma infusão preparada com ervas termogênicas (aceleram o metabolismo, e favorecem a queima de gorduras), desintoxicantes (eliminam as toxinas, deixam o organismo menos resistente ao emagrecimento) e diuréticas (evitam a retenção de líquidos, contribuindo para uma barriga lisinha). Desta forma é possivel combater o excesso de peso.

Chá verde + boldo + cavalinha: potente termogênico, acelera a queima de gordura. Também auxilia na limpeza das toxinas, fazendo o organismo responder melhor à dieta. 

Carqueja + centelha + cavalinha: tem efeito diurético, pois melhora o funcionamento do fígado. Isso ajuda a desinchar rapidamente, deixando a barriga mais lisinha. 

Dente-de-leão + chá verde + hibisco: acelera a queima de gordura, além de melhorar o metabolismo do açúcar e da gordura. Com isso, evita que essas substâncias colaborem para o aumento da cintura.

Dente-de-leão + centelha + quebra-pedra: com alto poder diurético, drena o excesso de líquido e ajuda a varrer para fora do organismo as toxinas que, em excesso, fazem com que acumule peso. 

Prepare o seu chá de emagrecimento. Faça a mesma mistura por três dias. Depois disso, faça uma nova combinação. Coloque as ervas (1 colher de sopa de cada uma, com exceção do chá verde que deve ser usado em menor quantidade: apenas 1 colher de sobremesa) ferva 1 litro de água e deite sobre a mistura. Deixe em infusão por 10 minutos. Coe e beba frio ou quente, no intervalo das refeições. 

segunda, 25 maio 2015 14:32

Chá de Urtigas

Escrito por

urtiga

O chá de urtiga auxilia no tratamento de casos de hemorragias, anemias, insuficiência hepática, artrite, artrose, gota, alergias, catarro, tosse, bronquite, febre, febre do feno,  asma, diabetes, circulação, diarreias, próstata, úlcera, reumatismo gotoso.

Além disso, atua como complemento alimentar, como coadjuvante no tratamento de distúrbios urinários, estimula a produção de leite, diminui o bócio, limpa o fígado, fortalece as unhas, regula o açúcar no sangue e limpa a pele em caso de urticária e eczema. Externamente, o chá de urtiga pode ser usado no tratamento de irritações e corrimentos.

 

quinta, 21 maio 2015 17:54

Função Terapêutica das Plantas

Escrito por

Seja para banhos ou em defumação, escolha a planta que mais se adeque ao seu caso;

Apresentação1

segunda, 18 maio 2015 15:23

Funcho

Escrito por

Exelente para problemas digestivos e gastrointestinais;  cólicas, colite, dor de barriga, aerofagia e mau hálito, ajuda no catarros das vias respiratórias e tosse. O chá  melhora a digestão, acaba com a flatulência e combate a diarreia. A erva também possui um efeito calmante, podendo ser utilizada para casos de insônia e ansiedade. Ela ainda possui função diurética, ajudando a acabar com os inchaços causados pela retenção de líquidos. O chá de funcho é bastante utilizado para cuidar das cólicas intestinais em bebês e crianças. Nesse caso, adoce a bebida com um pouco de mel

Curiosidade: Diz a história que, João Gonçalves Zargo, ao desembarcar num vale maravilhoso , com muito arvoredo e funcho, que cobria todo o vale até ao mar, ter-se-á apaixonado pelo local e batizou-o de FUNCHAL. Na Madeira esta planta é indigena e estão mais implantadas  nas encostas rochosas do sul, perto do mar. No Porto Santo, também podem ser encontradas com muita frequência. No verão estas zonas vestem-se de pequenas flores amarelas, deslumbrando , quem lá passa ou vive.

funcho

Procurar

Notícias Recentes